14/01/2015

Invenções acerca do algodão

Imagem via Não Foi no Grito
Hello, candies! Existem algumas histórias muito interessantes a serem contadas, como algumas invenções relacionadas ao algodão, que em um passado distante, era mais complicado trabalhar com ele, e por isso, em 1974, o engenheiro Eli Whitney, nos Estados Unidos, registrou a patente da sua invenção, conhecida como "descaroçador de algodão", que facilitou o trabalho, uma vez que a máquina extraía as sementes do algodão depois que era colhido, tornando o processo mais rápido. Porém, é claro na imagem que se trata de trabalho escravo, incluindo crianças, para aumentar a produtividade, o que acredito que não foi o objetivo da invenção, mas o ser humano às vezes ultrapassa os limites.

10 comentários:

  1. Muito interessante Jessie!
    Com certeza o ser humano ultrapassa os limites, a escravidão foi um dos acontecimentos históricos mais injusto e absurdos de todos os tempos que até hoje deixa marcas profundas na sociedade. Lamentável.
    Bela imagem!
    Desejo uma Boa Quarta-Feira, Deus te abençoe!
    Acompanhe também:
    Mix Da Cris Retrô |Facebook |Twitter |Bloglovin |Pinterest |Google Plus

    ResponderExcluir
  2. Ah! Esqueci de te pedir, tem um novo selinho de parceria atualizado? Vi que você mudou o layout, se tiver me manda no mixdacrisretro@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, eu não fiz dessa vez, mas já que pediu eu vou botar aqui de novo, e mando sim! :D

      Excluir
  3. Eu já tinha visto sobre o algodão num filme que retrata a escravidão...
    O "ser humano" passa dos limites mesmo e a escravidão foi uma das épocas mais cruéis que existiu... :(
    Beijos. <3

    Diário da Lady

    ResponderExcluir
  4. oi jessie, muito legal a forma que ele é produzido, incrivel como sementes se tornam algodao, ja fiz a eperiencia :D
    jessie me visite tambem:
    gilvaniaevans.com

    ResponderExcluir
  5. Adorei o post histórico.
    Adoro história!
    Lindo blog tu tens hein guria?!
    Beijos <3 <3

    vintageiz.blogspot.com

    ResponderExcluir